Skip to Content

Apresentação

O projeto “A África no Brasil e o Brasil na África: novos horizontes” reúne pesquisadores de várias unidades da Universidade de São Paulo, ligados às disciplinas da antropologia, da literatura, da história social, da cultura e da história econômica, que compartilham temas relativos aos estudos africanos. Sediado no Núcleo de Apoio à Pesquisa Brasil-África, seus propósitos mais amplos relacionam-se, aos efeitos positivos das práticas interdisciplinares sobre áreas específicas e ao estreitamento das conexões entre a universidade e a sociedade brasileira. De acordo com a tradição da Universidade de São Paulo nos estudos africanos e afro-brasileiros, pretende-se contribuir para a renovação dos caminhos da pesquisa e da constituição de conhecimento a partir do diálogo interdisciplinar e da interface possível entre as disciplinas envolvidas.

Envolvendo docentes, pós-graduandos e graduandos, o projeto abarca ações, metodologias e temáticas próprias que dizem respeito, grosso modo, às questões relativas à história das sociedades africanas e aos processos vividos por elas nas relações mantidas com os europeus, desde a expansão marítima pelo Atlântico e pelo Índico, chegando às práticas do colonialismo imperialista. Sob a ótica da participação das elites africanas e no período da descolonização, busca-se também o entendimento da formação dos estados nacionais, da elaboração dos nacionalismos e da circulação de suas ideias. Outra frente de pesquisa diz respeito aos estudos sobre a cultura material à luz das dinâmicas pelas quais seus artefatos foram armazenados e catalogados em museus e coleções. Numa perspectiva similar, acompanha-se a rica produção literária africana, articulada historicamente e dinamizada, por vezes, a partir de um intenso diálogo com a literatura brasileira. Além disso, as conexões entre o Brasil e as diversas sociedades africanas, as inflexões ocorridas no tempo e sua configuração atual constituem ponto central das reflexões do projeto uma vez que se considera a importância dos africanos e de seus descendentes e a atualidade do tema das relações diplomáticas, comerciais e políticas entre Brasil e África.

Cronologicamente, é adotada uma proposta da interligação entre diferentes temporalidades de que uma perspectiva de longa duração é fundamental para se entender a estruturação das sociedades contemporâneas e suas problemáticas, como também os fluxos e refluxos das relações entre os dois lados do Atlântico.

Por fim, é também anseio substantivo do projeto facilitar o acesso às fontes, seja por meio de inventários de referências, seja através de sua reprodução, seja ainda na sua disponibilização em bancos de dados e no site. No âmbito destas tarefas serão contemplados, especialmente, os acervos da Universidade de São Paulo e a digitalização de obras raras aí contidas.

 

Em anexo, o projeto completo.

AnexoTamanho
Projeto completo179.03 KB